quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Tipping

Pois é, infelizmente a América é a terra das gorjetas e como diz o ditado: em Roma, faça como os romanos (existe este ditado ou estou misturando as bolas? rs)

Nós brasileiros temos costumes muito diferentes em relação as gorjetas e o sistema daqui parece até abusivo; mas é assim que funciona a remuneração de muitos serviços então temos que participar.

Alguns turistas vem pra cá e tem dificuldade em calcular as gorjetas. Vou tentar ajudar.

1) No bar - se você estiver tomando um drink no bar e for pagar por cada bebida separadamente, geralmente deixa-se 1 dólar extra para cada (para bebidas de 8 até 12 dólares, mais ou menos). Se o garçom te falar que custou 9 dólares, deixe a nota de 10 e não espere o troco. Agora se estiver no bar durante Happy Hour (no Happy Hour aqui as bebidas ficam mais baratas) e a cerveja estiver custando somente 4 dólares, vale a pena pegar a sua e do seu amigo de uma vez e deixar o dólar da gorjeta para as duas. Se for o caso de abrir uma conta, pule para a segunda opção abaixo.

2) No restaurante - muitos brasileiros esquecem completamente dos "extras" que precisamos pagar aqui numa conta de restaurante. Se você por exemplo pediu uma salada que no cardápio custa 10 dólares, espere pagar os 10 + 0,90 de taxa obrigatória(arredondei para 9%, na verdade é 8.875%) + 1,80 de gorjeta. Sua salada custará na verdade 12,70 dólares. Os percentuais de gorjeta esperados aqui são 15%, 18% ou 20%. Esqueça os 10% praticados no Brasil! Uma dica para calcular a gorjeta sem ficar se descabelando é dobrar o valor da taxa no final da conta. Esta taxa é o imposto que aqui nos EUA eles nem sempre inserem no valor produto, pagamos por fora para ter a "ilusão" de que o produto em si custou mais barato. Veja o exemplo de uma conta completa:

salada $10
hamburger $14
sobremesa $8
Coca Cola $2,50
Sub total $34,50
Tax $3
TOTAL $37,50

Para facilitar o cálculo da gorjeta dobra-se o valor da taxa

Gorjeta 2 X $3 = $6

TOTAL A PAGAR = $ 43,50

3) No táxi, hotel, cabeleleiro... Ande sempre com umas notas de 1 dólar na carteira para um agrado e lembre-se que a gorjeta "oficial" é pelo menos 15% do valor do serviço.

Até hoje para mim é muito estranho pagar tantos extras. Dá um pouco de raiva, seria muito melhor se eles incluíssem os impostos nos produtos e aumentassem os salários do funcionários para que nós não precisássemos nos preocupar em sermos bem ou mal tratados devido ao valor da gorjeta que pagamos. Mas infelizmente é assim que funciona aqui e eles estão acostumados, é claro, e quando vão ao Brasil continuam dando gordas gorjetas por lá também.

Conclusão, se nós quisermos passar longe da fama de "turista brasileiro pão duro" vamos precisar nos adaptar.

2 comentários:

Joeli disse...

Gostei do topico.... mas nao o de ter q pagar... rsrsrs...

Blog - util.necessario - Ana disse...

Uma vez estava em um restaurante aí com meus filhos, meu marido e o amigo de um dos meus filhos que mora aí. Na hora de pedir a conta foi meio confuso, pois já tinha pedido a conta e os meninos queriam mais coisas... Sei que passei o cartão sem a gorjeta por pura distração.
A garçonete veio me perguntar se não gostei do atendimento dela o que ela tinha feito de errado...
Menina!!!!
Fiquei até com vergonha de parecer "pão dura"....
Bjs,