quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Lost and Found

Alguns casos que foram parar nos "Achados e Perdidos". Acho que no final de tudo a gente ainda pode confiar nas pessoas. Ufa!

- Logo nos meus primeiros dias de estudante fui lavar as mãos e deixei três anéis na pia do banheiro. Só percebi quando cheguei em casa... A questão é que a universidade é enorme, são vários prédios e eu tive aula em diferentes prédios e andares. Conclusão, não tinha idéia de onde os tinha deixado. Alguns dias depois, com aquele pensamento de não ter nada a perder, fui checar se eles tinham um departamento de Achados e Perdidos. Era em outro prédio, um que eu nunca havia pisado, e lá estavam meus anéis, guardadinhos em um envelope me esperando. Fiquei feliz como uma criança!

- Uns dias depois, achei 10 dólares no chão do Lobby. Em outro caso lógico que pegaria para mim e pronto, mas tinha um segurança por perto e acabei entregando pra ele. Ele pediu meu nome e saiu. Quando desci da aula (com uma multidão que sai junta dos elevadores) ele me achou, me parou e me chamou pelo nome. Disse que havia entregado o dinheiro nos Achados e Perdidos e caso ninguém o requeresse depois de seis meses que eu voltasse lá que o money era meu. Uhuuu!

- Estava no meio de uma aula e um segurança entrou procurando por uma menina. Ela respondeu quase que levantando os braços para ser algemada, quando ele informou que havia encontrado seu celular. Ela deveria pega-lo na salinha acima citada. A questão a que volto é que a universidade é enorme, imagine a pesquisa que fizeram para descobrir em que sala a menina estava naquela hora. E o segurança se dando ao trabalho de ir lá avisa-la... Juro, ele foi aplaudido quando saiu e a menina ficou feliz como uma criança!

Um comentário:

Clô disse...

cenas cariocas desta semana: mais uma vez atrasada saí de casa para o trabalho. na hora do almoço cadê a carteira? sumiu, mais uma vez tinha perdido alguma coisa na minha vida, cancelei cartões, etc.. quando acabei de cancelar o último recebo um torpedo: sua carteira está comigo. imediatamente ligo p/ o número era o taxista que havia me levado ao trabalho pela manhã: Sua carteira está comigo, não se preocupe, não precisa cancelar os cartões, meu endereço é tal ( lugar de fácil acesso), vou deixá-la com minha esposa vc passa lá p/ pegar. Peguei, não precisarei refazer a carteira de identidade e do plano de saúde, meu visa vale, e alguas outras coisitas. Obrigada seu taxista!

Beijo, Pituca